Terça, 18 de Junho de 2024
23°

Tempo nublado

Maceió, AL

Geral Destinação de Verba

Governador de Alagoas anuncia expansão do Centro de Inovação de Jaraguá

Segundo o governador, as obras devem ter início até o começo de 2025 e com o objetivo de serem finalizadas até 2026

22/04/2024 às 14h45
Por: Redação
Compartilhe:
Agência Alagoas
Agência Alagoas

Na última quinta-feira (19) o governador de Alagoas, Paulo Dantas, anunciou a expansão do Centro de Inovação do estado, localizado no bairro do Jaraguá, em Maceió. Estavam presentes na ocasião o secretário de Ciência e Tecnologia, Sílvio Bulhões, o reitor da Universidade Federal de Alagoas, Josealdo Tonholo, o reitor da Uncisal, Henrique de Oliveira e o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal), Fabio Guedes.

“O prazo é curto. Faltam menos de 3 anos para acabarmos o nosso mandato e eu não posso acabar o mandato sem ampliar o Centro de Inovação de Alagoas. Vamos pedir para fazer um projeto muito bacana para iniciarmos essas obras”, comunicou Paulo Dantas.

Segundo o governador, as obras devem ter início até o começo de 2025 e com o objetivo de serem finalizadas até 2026, antes do final de seu mandato vigente. O Centro de Inovação de Jaraguá foi inaugurado em 2021 e além do coworking e salas de reunião gratuitos 24 horas, abriga empresas e programas fomentados pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado.

O Centro é considerado o maior hub de inovação de Alagoas, tendo recebido um investimento estadual de cerca de R$ 18 milhões para seu projeto e construção, com 42 salas para empresas de pequeno, médio e grande porte, auditório para eventos e outros espaços de trabalho.

Antes do anúncio oficial, o professor Josealdo Tonholo pediu publicamente pela expansão do espaço, contando ser um apelo dos alunos da universidade e demais jovens interessados em novas oportunidades de aprendizado, trabalho e desenvolvimento oferecidas no local.

“Eu levei um puxão de orelha deles e vou devolver para o senhor (governador). Eles me disseram que as coisas de inovação estão funcionando muito bem aqui no polo, mas não basta. Eles querem mais. Infelizmente hoje não cabe todo mundo que gostaria de estar aqui, nos projetos, nas empresas. A gente quer a expansão desse polo de inovação”, cobrou o reitor da Ufal.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários